terça-feira, 25 de setembro de 2012

DOSSIE LARRY




Tudo começa numa noite estranha onde um jovem esperava o retorno de seus pais de uma longa viajem, sozinho em casa ele assistia a um filme de terror comendo salgadinhos vendo um filme na sessão das 21 horas. De repente ele ouve estranhos barulhos vindos do telhado, ele se levanta sem fazer ruídos e vai verificar o corredor, ele nota a presença de dois gatos brigando violentamente e logo acaba voltando ao quarto.
Durante o filme ele adormece caindo num sono profundo, a noite passa e já de madrugada  outro ruído chama a sua atenção despertando do seu sono, o jovem escuta um barulho vindo dos fundos e sem pensar agarra um terçado amolado próximo a pia e vai silenciosamente ate a porta verificar, ligando a luz e abre a porta rapidamente revelando a presença de um homem machucado sangrando muito poucos metros dali, a figura o encara e diz:
-Saia daqui eles estão vindo!
No teto um ruído chama a atenção dando ao suposto invasor a distração necessáriapara se levantar e escalar o muro rapidamente com agilidade digna de um felino indo em direção ao quintal vizinho, o jovem se tranca novamente e escuta o som de passos em seu telhado.
O jovem tenso e calado aguarda o pior porem nada acontece, ele entra novamente em casa se trancando e assim a noite termina, na manha seguinte seus pais regressam de viajem e ele nada fala guardando aquilo tudo para si.
Na manha seguinte o garoto segue ate o quintal e para sua surpresa não encontra nenhuma marca pista ou vestígio do invasor da noite anterior, ate mesmo o sangue derramado havia desaparecido completamente.
Confuso ele para observando mais ao redor procurando nos vasos próximos ao muro entre as plantas e por fim encontra um ponto com terra afofada, ele cava e encontra um pequeno cartão de memoria novo com a superfície lisa e brilhante.
Curioso ele vai ate o computador e verifica o conteúdo do objeto, dentro ele encontra uma pasta com dados criptografada, com um sorriso no rosto ele reinicia a cpu e insere um disco de Linux, usando uma sequencia de comandos inseridos pelo teclado uma barra aparece com números iniciando o processo de analise do cartão. No lado de fora um homem em um carro negro observa a casa com interesse particularenquanto conversa com outra pessoa que não mostra o rosto:
-Nenhum sinal da policia ate agora
-O que esse jovem esta pensando, aposto que você sabe?
-Seja no que for vamos esperar eles se distraírem para encontrar os dados.
-Tenho a sensação que os dados acharão por si só um meio de voltar a nos.
O carro fecha o vidro e segue ate a esquina, para voltar mais tarde.
No quarto do jovem cerca de duas horas depois a barra atinge 100% e uma pasta e mostrada com dados bastante peculiares.

NOME DO ALVO: LARRY
HISTORICO: Nada se sabe sobre sua real natureza apenas que se trata de um ESP rebelde que tem através dos séculos se voltado diversas vezes contra nossas fileiras, o principal diferencial dos demais é sua constante tendência em interferir em nossos assuntos.
-Nossas fileiras? ESP?

HABILIDADES: Possessão corporal, aumento de força, velocidade e vitalidade, outra característica em questão e a aparente possibilidade de distorcer a realidade ao seu redor utilizando a energia acumulada no incidente SG2.
O jovem confuso vê outros dados biológicos de pessoas, fotos de incidentes históricos, cenas de guerras famosas e instalações militares todas aparentemente atribuídas ao Larry.
- Que droga é essa? Parece ate coisa de filme. E melhor eu entregar isso as autoridades!
Ele pega o cartão e segue caminhando em direção ate a delegacia mais próxima, em sua esquina observa um grupo de bêbados cobrando pedágio de um jovem que passava. Aproveitando a distração deles ele sai seguindo ate um beco passando por um campo de futebol a alguns quarteirões da delegacia. Um carro preto sai dos arbustos freando bruscamente parando a frente do garoto dirigido por um homem enorme e careca vestindo um terno social, da janela ele observa o jovem através da tela do celular filmado pela câmera, um sinal indica o bolso do lado direito da calça a presença do cartão.
-Garoto você esta com algo que nos pertence.
O jovem assustado corre em direção a um muro saltando seguido pelo homem que imediatamente sai do veiculo, com velocidade impressionante ele rapidamente o caminho do rapaz com velocidade impressionante.
-Não tem como fugir pivete, esta apenas dificultando as coisas.
Com um chute bem dado no estomago o jovem voa 3 metros e cai de costas no chão, com dor ele gira o corpo se recuperando tentando fugir novamente, o homem o segue reduzindo rapidamente a distancia. Ao notar a aproximação do seu algoz o garoto tenta um chute na altura do rosto do gigante que acaba interceptado pelo cotovelo direito, aproveitando a abertura o homem desfere um soco no rosto que faz seu alvo cair desmaiado.
O homem afrouxa a gravata e caminha devagar em direção ao rapaz dizendo:
-Eh...ate que deu trabalho, para alguém sem o menor treinamento.
O homem revira os bolsos do garoto e encontra no que procura, ele insere a memoria no celular e verifica os dados, alguns segundos depois  friza o celho e diz.
-Moleque safado mexeu com o que não devia, agora não tenho muita escolha.
Ele puxa do bolso do terno uma pistola Magnum 47 prateada e aponta em direção a cabeça do jovem, coloca o dedo no gatilho e...