sábado, 2 de fevereiro de 2013

QUEM FOI SR R

Para quem leu minha historia sobre o Senhor J saiba que ele não foi o único maluco que tive o desprazer de compartilhar uma breve parte de minha vida? Sim aconteceu a pouco tempo... pouco se comparado ao ultimo que falamos, mais exatamente na época do grupo SAN (Sociedade de Artes Nipônicas) durante um evento na universidade.

Darkeholy o cuidador de "crianças"

Tudo aconteceu durante um evento onde estávamos exibindo animes do ano de 2011, no lugar levamos o publico a loucura com...

High School of Dead  e Ikkitousen!




Pra quem não viu esses dois animes são echiis o suficientes para fazer um homem jovem de 15 anos ficar maluco como o urso do Pica Pau .
Enquanto o evento seguia notei a aproximação de uma figura alta em meio a um grupo de pessoas, ele se senta bem ao fundo das cadeiras e aprecia uma pequena palestra que ministrávamos. Depois de exibir alguns animes por fim completamos nossa apresentação e então a figura se apresenta como sendo um novato na cidade, segundo ele era um profundo conhecedor de cultura japonesa.
O Sr R queria nos conhecer e estava claramente impressionado por encontrar pessoas que apreciavam algo que não fosse arcos, flechas e artesanato no meio do Amazonas, naquela época estávamos recrutando novos membros então a presença de mais um era bem vinda...desde que tivessem sanidade.

Depois dali decidimos ver se ele era compatível conosco afinal não poderíamos deixar qualquer um que pudesse usar nossos dados de forma ilegal ( pirateiros loucos por novidades mas ai é outra historia) por isso optamos por analisar ele então marcamos uma reunião com todos para avaliar ele.
Assim chegando o fim de semana ele foi ate um de nossos locais de encontro, ele chegou e foi conversando tu do normal ate depois dele ir embora e discutir com os outros membros  o que acharam dele daí descobrimos que ele falou para cada um de nós uma historia diferente.
Assim ele...

Disse TER uma armadura de ouro de gêmeos tamanho real, feita de aço e pintada de dourado...


Disse SER um cônsul japonês, quase saia um “filho direto do imperador” mas eu cortei o papo dele...e


Assediou sexualmente um membro feminino do SAN, uma aparpada no seio... inicialmente!


Não chegou a tanto...mas já era algo

Entre outras coisinhas que nos obrigaram a lidar com o problema devido a tamanho que era o insulto a nossa inteligencia, primeiramente optamos por descobrir a verdade se ele era louco ou o quê, logo marcamos uma outra reunião para expor ele, e durante esta para mostrar que tinha dinheiro ele veio com um lanche farto (pizza, empadas, refrigerante, doces e tudo que há de bom) que comemos afinal era DI GRATIS ninguém nos condenaria.

Assim depois da reunião o seguimos e para nossa surpresa nos deparamos com uma casa alugada num bairro humilde quase uma choupana, preocupados tentamos entrar em contato com os parentes dele mas nenhum deles parecia dar atenção ao fato. Durante uma outra reunião o membro feminino do grupo revelou outra tentativa de assedio (um beijo forçado) que me obrigou a agendar uma audiência na delegacia local.


No dia marcado veio ele a mãe dele que me disse que o filhinho dela tinha o uma doença que o fazia mentir, que era brincadeirinha e assim  que ouvi esse absurdo chamei ela a razão dizendo independente disso ele tentou atacar uma mulher. Por pena não prestei queixa desde que ela procurasse ajuda e o mantivesse bem longe do grupo SAN, nunca mais tive contato com ele desde então mas não deixo de me preocupar com o tipo de pessoa que ele é hoje.
...
Sim fui negligente de novo mas convenhamos eu não podia ter um maluco por perto usando equipamento dos outros para exibir anime, imagina se ele derruba um data show por exemplo. De onde é que eu iria tirar mil pratas que não fosse do rabo? Sem falar na mãe dele que deixa um  camarada desses a solta, essa sim devia ficar de olho por que da próxima vez pode não ser alguém tão compreensivo quanto eu e então ferrou tudo game over.