sábado, 12 de julho de 2014

O CRASSICO E O CLASSICO



Dado o nível de criatividade humana a cada temporada surge um classico diferente mas apenas poucos deles se tornam crassicos.
...
...




Confusos? Bem então vamos voltar um pouco nesse conceito antes de seguir em frente, primeiramente existem os classicos que num sentido histórico fala de períodos quando a vovó ainda era virgem e tudo relacionado com ele. O curioso que a palavra como adjetivo pode definir todo um estilo como jogo classico (8 bits) , classicos do cinema (Jackass), literatura clássica ou em casos como da musica clássica.





Então essa palavra em geral define os alicerces fincados em alguma coisa, vamos ao rock pois la o clássico pode se definir a Elvis e seu rebolado do capiroto (na época) e Aerosmith com uma de suas musicas mais pedidas pelos fãs. O clássico também pode se referir a uma mídia que esta definitivamente  não inserido nos conceitos  vigentes como o filme Avatar ( não tô falando do que tem o Ang, a Katara...) que usando modernas técnicas de efeitos e uma historia bem diferente de tudo se tornou um clássico do cinema em dois tempos.


Observando o sentido do mérito vemos por exemplo "Não é Mais um Besteirou Americano" que foi um filme bem visto no lançamento mas que nunca se tornou uma boa memoria como "Corra que a Policia Vem Ai" que definitivamente é um clássico pois é praticamente atemporal.
...
Serio não é sacanagem, vai ver hoje pra ver se tu não vai cair na gargalhada, tudo devido o uso de elementos corriqueiros.


 Esse é um fator importante também no conceito do clássico que é o uso de elementos tradicionais, vamos ao campo dos games com o Mario com a velha historia de salvar a princesa que já nos encantou em Branca de Neve, Cinderela, Bela Adormecida e com certeza vai dar muita grana pra Disney.

Não que um clássico tenha que parecer velho e sim que ele precisa usar elementos já usados de maneira competente igual ao filme "Capitão America 2" que fala de espionagem, intriga, heróis humanizados, viajantes do tempo e tantas coisas que poderiam ter dado errado se colocadas em excesso que só engrandecem o filme pelo seu uso correto.


Um ponto em questão nos clássicos é a tradição e a forma como são passadas, sabemos que muitas historias se modificaram ao longo dos anos tanto que algumas sombrias (Branca de Neve, João e Maria) ficaram amenas a ponto de ficarem infantis para serem usadas de maneira diferente mas igualmente um clássico absoluto.

E o CRASSICO você se pergunta que porra é essa né?
...Bem é um clássico que é novo ou mais ou menos, a definição principal é algo claramente inspirado em um estilo clássico como os demakes ou de forma a replicar algum estilo antigo.



Um grande exemplo atual é o filme "O Artista" que narra em preto e branco sem som (cinema mudo) a vida de um artista da década de 30 quando o som chegou e ele se tornou obsoleto por não poder passar o sentimento através de palavras apenas gestos ou ações.

Sim um filme dessa década feito com elementos de 70 anos atrás e igualmente fodão, isso é o CRASSICO essa coisa genial que mesmo com todos os limites supera muita gente.

E é isso espero que pensem com esse post, fui!