sábado, 11 de junho de 2016

COISAS A TEMER




E enfim o Brasil escolheu ativar suas instituições e se livrar do “Pessoal do Trambique” que esteve entulhando a maquina publica durante anos. Contudo existem dois conceitos que não foram deixados claros e que existem de diferentes mas que muita gente as confundem, sim vou falar de política da maneira mais sensata e apartidária embora deva admitir que ver minha grana na carteira valer menos tem um certo peso aqui ó.

1º Decisões Ruins  causam medo!



Comecemos nos inicio, na ultima eleição foi nos prometido 3 coisas
-energia não iria aumentar
-inflação não iria sair do controle
-e a Lava Jato teria todo o apoio já que  teoricamente teríamos todo o apoio contra  corrupção

O mercado viu uma presidente atrasar pagamentos, usar o poder na para soltar pessoas do mesmo partido, citações, coisas inéditas como um deputado cassado (sendo que era líder do governo) , uma batalha judicial contra os mecanismos legai plenos e a palavra GOLPE.

 VOCÊ INVESTIRIA NUM PAÍS ONDE NEM O SIMBOLO O GOVERNO HONRA?

GOLPE aqui...GOLPE ali... e assim esse povo foi  empurrando com a barriga ate o ponto que estamos hoje com um mercado externo observando atento a cada variável nova que surge.
Afinal com um cara falando “Como se uma agenciazinha no fim do mundo fosse afetar a economia Brasileira” numa de poder ate eu tive vontade de sair fora. 
Principalmente depois que aos poucos e com as investigações, números e balancetes ficou claro e evidente um rombo supremo deixando claro que o medo na real era menor do que já tínhamos em mãos.
Assim vimos o medo de tudo piorar e piorou porque em vez de cortar na carne e deixar tudo mais leve o governo gastou mais sabe se Deus como estamos tentando descobrir ate hoje.
E agora...

2º O medo gera mais medo

 
Hoje não temos nem a metade do que tínhamos e o fundo do poço econômico é um sonho, assim colocamos uma nova equipe de maneira emergencial. Enquanto a velha gerencia em vez de admitir e seguir em frente fica com planos de sabotagem pra tentar voltar ao poder e talvez desfazer a merda que fez... se não algo pior como Cuba e Venezuela.
O problema é ouvir e ver uma parcela da população querendo ficar a parte, vejam eu não concordava com a antiga administração mas sempre trabalhei e paguei meus impostos em dia.
Assim é muito revoltante ver meus impostos sumindo e quando ir cobrar  ser chamado de GOLPISTA, cara eu te pago quale...
Espero sinceramente que esse povo pare de proliferar o medo e siga a maré para toda a transição dar certo, independente de quem esta no comando o povo é quem merece  ver tudo dar certo.